Por que fazer o melhor?



Paulo Autuori, o novo técnico do São Paulo disse a seguinte frase: "Eu sei que a torcida do São Paulo prefere o Muricy, na verdade, eu também. Mas já que eu fui escolhido, procurarei fazer o meu melhor."
Imediatamente o conteúdo da frase me chamou a a atenção e me fez refletir sobre o nosso serviço na Igreja. É fato que sempre há pessoas com mais talento do que nós. Mas nem sempre uma pessoa talentosa é capaz de trabalhar com dedicação ao chamado do Senhor. Nenhum dos 12 discípulos era erudito. A Bíblia nos revela que quatro deles eram pescadores. Havia um fiscal e um zelote (que discordava do jugo romano).
Ao ouvir o chamado de Jesus Cristo eles não titubearam perguntando a si mesmo se tinham talentos, se sabiam discursar ou se poderiam falar sobre as boas novas. Eles simplesmente obedeceram. H´´a professores de escola dominical melhores que você? Há músicos mais talentosos que você? Há um evangelista mais capaz? Claro que há. Mas o que nos diferencia é a resposta que damos ao chamado do Mestre.
Você foi escolhido e separado por Deus para trabalhar para o Reino. Portanto, faça o seu trabalho com dedicação e amor pela obra de Deus. O reino é construído por meio do voluntariado de milhares. E graças a Deus em nossa Igreja temos um exército de voluntários que têm dedicado a sua vida ao Reino. Lembre-se sempre disso. "Já que fui escolhido por Deus, vou fazer o meu melhor." Em minha vida eu tenho agido assim, e você?

(Pr. Aguiar Valvassora)

"Pois Deus não escolhe os capacitados, mas capacita os escolhidos segundo a obediência dos seus corações."

Postagens mais visitadas